Culinária

TRIGO Parte 1 – Aprenda a fazer uma Massa Fresca de Fettuccine

MUITAS HISTÓRIAS SOBRE O TRIGO

São tantas informações, verdades, mentiras e notícias conflitantes sobre o trigo que ficamos numa guerra fria sem ter noção do seu real valor nutritivo. Isso nos leva a uma prisão à qual nos impossibilita de viajar nas facetas incríveis que este alimento fornece à gastronomia.

Será que posso? Será que devo? Como faço?

 

 

 

 

 

Vamos com calma, pois nem sempre as coisas são como parecem. Só precisamos às vezes filtrar um pouco isso ou aquilo que ouvimos, e aí chegamos ao correto.

CURIOSIDADES SOBRE O TRIGO

Triticum aestivum é o nome científico do trigo mais cultivado e usado.

 

 

 

 

 

Essa espécie é conhecida a mais de 10 mil anos, e inusitadamente foi encontrada em cova de múmias, além de ter sido usada como ingrediente para construção civil primitiva, para o cozimento e fortalecimento de tijolos.

Alguns rituais religiosos antigos usavam o trigo como purificador da alma. E na religião católica o trigo ainda está presente na hóstia (pão não fermentado), como símbolo do corpo de Cristo.

O trigo também tem sido usado como ingrediente em diversas cervejas especiais, principalmente na Europa, proporcionando sabores diferenciados e encorpando mais a bebida.

ESTUDOS REVELADORES SOBRE O TRIGO

Estudos mostram que o trigo é um grão rico em proteína. E nele contém o famoso glúten.

O glúten é um composto de 90% de proteínas insolúveis, 8% de lipídios e 2% de carboidratos. É sabido que a cada 100g de trigo possua em média 329kcal.

Então, na hora de consumir o pão nosso de cada dia, vamos pensar direito se iremos gastar essas calorias. Pois o consumo exagerado pode levar ao aumento de peso e aí sim, ao invés de prazeroso, pode se tornar um problema na sua vida.

Queria falar tantas coisas que descobri sobre o trigo (em outros posts falarei mais), mas estamos aqui para falar de como usar esse danado numa receita. Essa receita simples, vai te libertar de massas industrializadas.

A receita serve 1 pessoa de forma satisfatória. Mas sempre faça os cálculos de acordo com quantas pessoas você pretende servir. Combinado?

PASSO A PASSO DE COMO FAZER MASSA FRESCA DE FETTUCCINE

MOLHO – OUSADIA SEM EXAGEROS

Que molho usar agora na minha receita?

A natureza nos fornece diversos ingredientes, então vamos ser ousados e usá-los.

Mas, ATENÇÃO! Tenha bom senso ao usar os ingredientes.

Uma vez fui experimentar ervas e me empolguei tanto que fui adicionando elas, no final a comida tinha um cheiro maravilhoso, mas minha mãe que sempre foi minha cobaia, disse:

“Meu filho, a comida está boa, mas não usa tantas ervas assim, pois a comida parece um chá.”

Ela não queria me deixar triste dizendo que a comida não estava boa, mas delicadamente me deu a dica que levo comigo sempre que estou desenvolvendo uma preparação: OUSAR SEM EXAGEROS!

E por isso é tão importante entender a si próprio. Do que você gosta, e do que você não gosta. É ter coragem de descobrir o porquê de não gostar e coragem de aprender a gostar.

Fazer de uma forma diferente vai lhe proporcionar uma outra visão e você se surpreenderá como o que você supostamente achava que não gostava. Veja detalhes sobre identidade culinária na matéria sobre o tomate (Link abaixo)

E para queles que não querem ousar de imediato e precisam de um molho caseiro de tomate delicioso para seu fetuccine fresco, clique no LINK abaixo e veja como eu fiz um molho de tomate orgânico.

CLIQUE AQUI PARA VER SOBRE IDENTIDADE CULINÁRIA E MOLHO DE TOMATE ORGÂNICO

Fonte de Pesquisa:

Coleção 500 perguntas 500 respostas – Trigo. Embrapa. Você pode baixar essa coleção GRATUITAMENTE pelo link Download E-Book Embrapa Gratuito

Gostou das dicas?

Não deixe de nos falar se testou a receita, como ficou, comente e faça perguntas. E desejando tirar alguma duvida ou sugerir algum tema entre em contato [email protected]

Abraços e mês que vem tem mais.

Tags
Close
Close

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios